sábado, 6 de agosto de 2016

Românticos…. Realmente são uma espécie em extinção…


Soa tão prematuro o desencarne do compositor, cantor e intérprete, mas, sobretudo, do POETA, VANDER LEE….

Apresenta-se como um gênero de apagão…. Daqueles grandes…. Daqueles no qual ficamos com medo e pensamos que o Mundo vai acabar…

O que se pode dizer é que ontem houve mais um grande blackout de sensibilidade, no Planeta Terra.

Para aqueles que não conheciam seu trabalho: meus pêsames. Entretanto, também posso consolá-los, porque a poesia dele ficou, para que possam conhecer e desfrutar da sensibilidade de um moço de 50 anos, brasileiro, mineiro, simples, discreto, mas extraordinariamente emotivo.

Talvez por causa da sensibilidade, tenha desencarnado por culpa de um enfarto… Os sensíveis sofrem disso, de alta atividade do coração…

Isso não é defeito, não… Nunca…

Essa capacidade de sentir tudo de modo maior, isso, de sentir antes e de sentir sobremaneira, é qualidade. Porém, existem os perigos iminentes, num mundo onde a poesia tem perdido para a vulgaridade…. Desse modo, enfartar é um dos perigos que os românticos mais sofrem…

Podem até “manchetear” stress, mas o stress também é efeito sofrido pelos sensíveis…

Embora tenha passado tão rapidamente pelo Planeta Terra, o poeta Vander Lee deixou cânticos que nunca vão morrer. Jamais. Registro cânticos, porque canções parece não denominar a poesia desse rapaz.

Talvez, querer entender a insensibilidade, tenha lhe deixado muito cansado e contribuído para esse desenlace tão fugaz… Talvez…

O apagão de sua ausência Vander Lee estimado, será sentido agora e a partir de agora. Porque muitos terão acesso à sua poesia, infelizmente (…e, felizmente), apenas, a partir de agora… Exatamente nesse momento, no qual seu Espírito já foi para outra expedição poético-astral. Rogamos que, para uma Morada, onde Deus possa lhe ouvir de mais perto…

Talvez você tenha razão…. Românticos sugerem ser uma espécie em extinção…

Em minha “desimportante” opinião: românticos, são, realmente, uma espécie em extinção. E isso soa como uma completa (e pesarosa) realidade….


Luanda, Planeta Terra - 05/08/2016

 (Com carinho…

De Solineide Maria de Oliveira do Patrocínio Rodriques
Para Vander Lee).


Nenhum comentário:

Postar um comentário