segunda-feira, 21 de agosto de 2017

A POESIA VEIO

A poesia planta palavras diz assim : 
Sol, vem. Eu consigo ouvir. 
 Vou. 
Ela me fala que me ouviu. 
E que veio porque teve misericórdia de mim. 
Deu- me um abraço enorme igual a um paralelepípedo
desses que andamos à mar-abalizar quando infantes... 
Ela estava triste. 
 Contou que foi para um Congresso das palavras cansadas. 
 Poxa vida... 
A poesia fica sem palavras sabia disso? 
 Eu fiquei muda. 
Perplexa! 
Também eu estive muda. 
Contei. Ela pediu desculpa...  
Porque tem um pouco de colaboração na minha mudez. 
Pois... Disse. 
Abraçamo-nos. 
Ela prometeu não sumir tão já. 
Depois, tomamos café, 
contei as novas idades... 
Ela contou novidades. 
E a noite acabou. 

Autoria:  Solineide Oliveira Patrocínio Rodrigues

sexta-feira, 11 de agosto de 2017

QUERO SER MENDIGO DE AMOR

A forma mais sublime de amar é amar mendigando.
Porque é de tal modo bonito ser mendigo,
não ter nada e só ambicionar amor, amar...
É tão sublime ter sede de amor
que mendigar amor se torna assim
a mais autêntica forma de subir.
Passei dias pensando sobre isso,
e um poeta, Carlos, declarou:
"olha Sol, discordo de mim mesmo hoje.
Hoje quereria ser mendigo de amor".

(Solineide Maria de Oliveira do P. Rodrigues)

terça-feira, 25 de julho de 2017

DIA DOS AVÓS (MEU PRIMEIRO DIA ENQUANTO VOVÓ DE DANTE)



Ser avó
emoção que a palavra não expressa
sentimento que apenas a alma
confessa.

Outra vida
na vida de um filho nosso.
Outra voz a dizer
mamãe,
papai,
para o filho que nos disse
um dia:
mamãe, papai...

A mais doce melodia:
um coração a bater
dentro do coração
do nosso filho,
da nossa filha.

E toda a paz de perceber
que amor com amor
eterniza
o amor de eras.
E que amar
é o que viemos cá fazer.

Solineide Oliveira Patrocínio
(Dia dos avós)
26/07/2017

domingo, 23 de julho de 2017

FIM DE MUNDO

Diziam (os mais velhos),
que no fim do Mundo haveria Anjos e trombetas...
Nem Anjo e nem Música Divina.
Nem um Serafim...
Contentemo-nos uns sem os outros.

(solineide)
Livro de Solineide - Poesia nenhuma Ano: 2000 (na gaveta)

DANTE antes

Ele fez um mês na Terra. Olhos maiores, pele mais esticada e mãos alvas e também maiores (17/07/2017).
Tem um mês que deixou o Plano Espiritual e veio para a matéria.
Dante, Deus lhe abençoe pelas estradas da vida aqui na Terra.
Coragem meu neto. Amor no coração e fé em Deus. Para sempre.
Te amo.
Vó Sol.


VERSOS PARA DANTE

Deus inventou

A poesia.

Nunca mais

Terei vazios.

Esperança de graça...


(Versos para meu neto)
De Solineide Rodrigues.
Para Dante Ramos.

sábado, 15 de julho de 2017