quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Chá de pai

A alma abriu-se em festa.
Uma palavra pequena,
quatro letras,
duas sílabas...
Reverberaram uníssonas:
"papi".
Meu Deus! Acho que vou chorar,
vou sorrir...
Vou levar esse "chá de pai"
comigo.


Solineide Maria
Para O Livro de Palavras e Chás

Nenhum comentário:

Postar um comentário