sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

VISITA DE UMA ESTRELA

Na janela, hoje,
estava pendurada uma estrela.
Uma estrela que sorria
um sorriso de menina.

Ela me deu a mão
e disse: "venha"!
E ficou a me dizer
palavras incandescentes de amor.

E me deu um café
"transestelar"
e sorriu das bobagens que lembramos
antes de você surgir...

Essa estrela ora alva, ora azul,
ora dourada, ora prateada:
era uma menina muito linda.

Ela riu-se quando disse que sim,
que temo a alegria, a felicidade,
explicou-me que isso é normal...

Depois iluminou-me a mão
e pediu que não esquecesse
minha missão...

Aconselhou rezar cada segundo,
pedindo ao Pai
"Amor profundo"
aos companheiros de estrada.

"Todos precisam de amor":
a estrelinha brilhante declarou,
num tom de preocupada.

Depois luziu, brilhou,
correu a casa!
E fiquei assim,
COMPLETAMENTE iluminada!


SOLINEIDE MARIA DE OLIVEIRA
Para J.R.

Nenhum comentário:

Postar um comentário