quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Reencontro

Hoje a luz me revisitou: 
escancarou as janelas, 
abriu a porta 
(para que eu colocasse o lixo na rua). 
Fez café e me desejou bom dia 
(quando fui para o Colégio...).
Da esquina
dava pra ver seus cabelinhos ruivos, 
com luzes nas pontas, 
acenando com aquelas mãos 
cor de azul-infinito.

Solineide Maria de Oliveira

Um comentário: