domingo, 15 de abril de 2012

Esse lixo é antigo... (Coitada de Itabuna)

Esse lixo é antigo!
Vem de eras ancestrais: 
cobriu mato, subiu cerra. 
Fez matador virar coronel, 
fez homem de bem se matar, 
fez gente humilde e boa 
passar pro lado de lá. 
Fez (e faz) pessoa boa
virar político carcará.

Esse lixo nos persegue
come nossa diginidade, 
come a honra, 
come a escola, 
como casa e Hospital. 
Come menino e menina, 
come Senhor e Senhora, 
come professor de escola 
e de Instituto Federal. 
E come, também, 
alguns bons profissionais 
da Universidade local. 

Esse lixo é antigo...
levou o ouro do cacau, 
levou o Rio Cachoeira, 
levou poeta e poetisa, 
escritor e jornalista 
gente boa do Rádio 
e da mídia da TV: 
todos viraram chorume
e envenenam notícias 
pessoas e tudo o mais 
que seja um pouco são... 

Esse lixo é antigo.
Desfaz tudo o que é 
bom.
Aterra mesmo... 
E aquele que tem algum dom 
alguma percepção 
do que não seja "legal": 
mingua triste, 
morre de lucidez, 
desanima de tão saudável. 
Não apodrece, 
mas desiste...

2 comentários:

  1. Adorei, vou enviar pro FANTASTICO tmb!!rs
    bjo
    Regi

    ResponderExcluir